NOVOS VALORES DO IMPOSTO DE RENDA 2014

Publicado em: Dinheiro
data 24.02.2014

IMPOSTO DE RENDA 2014 – Recentemente novas regras quanto ao Imposto de Renda foram previstas pela Receita Federal, mas ainda não se tem reconhecimento sobre todas elas. Algumas já podem ser conferidas de acordo com deduções, como você irá verificar neste artigo. Os valores não são oficiais pois a Secretaria da Receita Federal ainda não divulgou dados oficiais para a correção.

NOVOS VALORES DO IMPOSTO DE RENDA 2014

Novos valores do Imposto de Renda 2014

As previsões ocorrem já há algum tempo: o limite de rendimento mensal para ser isento subirá menos do que a inflação. Com os novos ajustes, haverá um aumento no número de pessoas físicas tributadas pelo IR. Deste modo, anualmente deverão entregar a declaração de ajuste anual do Imposto de Renda. Segundo especialistas, a mudança irá auxiliar mais de18 milhões de pessoas. Além disso, cerca de um milhão de trabalhadores que já possuem seu certificado digital poderão também contar com os benefícios provenientes do mesmo. O certificado custa R$ 100,00 e aqueles que não desejarem ter a declaração pré-preenchida não precisarão deste documento.

O prazo para o início das mudanças seguirá o padrão dos outros anos: no início de março com extensão até o mês de abril. O formulário que anteriormente era aceito como documento como era aceito até o ano de 2010. A entrega poderá ser feita de maneiras mais práticas, como é o caso do envio pra internet, no programa de transmissão da Receita Federal (Receitanet) ou ainda a entrega do documento em algum dispositivo que permita a visualização do documento, sendo entregue nas agências do Banco do Brasil ou da Caixa Econômica Federal. Ainda não se sabe se este padrão seguirá durante 2014.

As alterações

A tabela do IR deste ano foi corrigida em 4,5%, sendo utilizada então, a nova tabela. Através dela, a faixa de isenção do Imposto de Renda passará de até R$ 1.710,78 para R$ 1.787,77 mensais. A alíquota de 7,5% renderá entre R$ 1.787,78 e R$ 2.679,29. Para a porcentagem de 15%, a correção será de R$ 2.679,30 até R$ 3.572,43; para valores entre R$ 3.572,44 e R$ 4.463,81 terá a taxa cobrada de 22,5% e de 27,5% de Imposto de Renda para salários acima de R$ 4.463,81.

Estes valores ainda não são oficiais, mas foram calculados pela Confirp Consultoria, que utilizou o ajuste de 4,5% para os cálculos. No decorrer deste ano, os valores oficiais serão divulgados pela Secretaria da Receita Federal, assim que as novas regras do Imposto de Renda entrarem em vigor. Para os casos de despesas com a saúde como psicólogos, pediatras, exames laboratoriais, próteses, fisioterapeutas, dentistas e demais variações médicas permanecerão com as deduções sem limite máximo.

Leia o post anterior:
WWW.BBSEGUROS.COM.BR – PROMOÇÃO CHEIO DE VIDA BANCO DO BRASIL

PROMOÇÃO CHEIO DE VIDA BANCO DO BRASIL - Se você está pensando em fazer um seguro de vida essa pode...

Fechar