TABELA INSS 2014, PREVIDÊNCIA, ATUALIZADA

Publicado em: Geral
data 28.02.2014

TABELA INSS 2014 – O INSS (Instituto Nacional de Seguridade Social), tem como objetivo assegurar o trabalhador nas diversas circunstâncias, recebendo o benefícios em casos de aposentadoria, auxílio maternidade, auxílio doença, pensão por morte e pensão de casos especiais de talidomida.

TABELA INSS 2014, PREVIDÊNCIA, ATUALIZADA

Através desta tabela lançado todo início de ano, o trabalhador poderá ter uma noção do valor que será descontado do salário mensal durante o ano corrido, desde que o mesmo esteja empregado, e este desconto é feito diretamente na folha de pagamento dos trabalhadores domésticos, trabalhadores avulsos e ainda dos trabalhadores segurados que estão empregados. O valor mínimo pago a estes cidadãos contribuintes descritos, é de R$ 724,00, porém, somente válido para os trabalhadores que se encontram dentro dos critérios de recebimento, podendo ser observado no site da Caixa Econômica as condições de benefício.

A obrigatoriedade do pagamento destes valores, garante que o benefício seja liberado nos casos citados, permitindo que o trabalhador tenha formas de se manter até que sua situação se regularize, em exceção os casos de aposentadoria.

A Tabela do INSS 2014

A tabela de INSS já divulga que o valor do salário família é de R$ 35,00 para todo assegurado que possui salário com valor inferior a R$ 682,50, para o trabalhador que recebe salário acima deste valor e possui um limite máximo de até R$ 1.025,81, irá receber o benefício no valor de R$ 24,66.

O salário contribuição de até R$ 1.317,07, possui no valor de alíquota para fins de recolhimento ao INSS, pelo menos de oito por cento sobre o salário;

O valor mínimo do salário contribuição de R$ 1.317,08 com limite até R$ 2.195,12 é de pelo menos nove por cento sobre o salário;

O valor mínimo do salário contribuição de R$ 2.195,13 com limite de até R$ 4.390,24 receberá um desconto de pelo menos onze por cento sobre o salário;

O auxílio reclusão, oferecido a famílias que possuem parente detido em prisão, será determinado a partir da contribuição no dia da prisão, igual ou inferior a R$ 1.025,81. Caso o indivíduo não apresente atividade no mês da reclusão ou meses anteriores, servirá como base o último salário de contribuição, considerado como remuneração.

O portal da Previdência Social permite a consulta gratuita desta tabela, podendo o internauta buscar mais informações no próprio site, podendo verificar em qual categoria de trabalhador melhor se encaixa, observando a definição escrita no portal, considerando o valor que será descontado do pagamento. A Portaria Interministerial da previdência social que divulgou todas as informações a respeito dos valores de contribuição, especificando os artigos do regulamento divulgado.

Leia o post anterior:
AS NOVAS CONTRATACOES DOS TIMES BRASILEIROS
NOVAS CONTRATAÇÕES DOS TIMES BRASILEIROS 2013

NOVAS CONTRATAÇÕES DOS TIMES BRASILEIROS 2013 - O ano acabou de começar, e é claro que temos diversas novidades no...

Fechar