TERÇOL – CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTO

Publicado em: Saúde
data 14.12.2013

TERÇOL – O olho é uma das regiões mais sensíveis do corpo, ou seja, vai estar sempre exposto a diversos tipos de doenças e uma das mais comuns é o terçol, que possui diferenças gritantes em relação a conjuntivite, portanto saiba as suas características e saiba como tratar esta doença tão comum.

TERÇOL - CAUSAS, SINTOMAS E TRATAMENTO

Quem acha que os olhos não merecem uma atenção especial estão muito enganados, pois afinal de contas é uma região sensível, onde podem acontecer diversos tipos de problemas, como terçol e conjuntivite, que são doenças muito diferentes e neste artigo serão lançadas algumas informações sobre o terçol.

O terçol é um tipo de infecção que atinge a região dos olhos que fica perto dos cílios, onde o olho fica inchado e vermelho e este tipo de infecção é causado por dois tipos de bactérias, que são chamadas de estreptococo ou estafilococo.

Este tipo de infecção começa com um caroço que aparece na região das pálpebras e com o passar do tempo a região fica cheia de dor e com uma coloração vermelha e estes sintomas podem durar por até três dias,quando o terçol não é muito grave e caso não melhore, pode virar uma infecção em toda a região da órbita ocular.

A maior diferença entre o terçol e a conjuntivite é a sua forma de contágio, pois enquanto que a conjuntivite se pega quando se fica perto de outra pessoa que está contaminada, o terçol se baseia em contato com a bactéria ou na produção exagerada de gordura na região das pálpebras pelas Glândulas de Zeiss, pois o aspecto físico destas doenças são muito semelhantes e somente o médico poderá definir com certeza se é terçol, conjuntivite ou outro problema de saúde na região dos olhos.

Para tratar deste tipo de doença não é muito complicado, ou seja, quando o quadro não está muito avançado, pode se fazer tratamentos simples, como compressas de gaze quentes, para que a infecção cesse, além de colírios e pomadas que devem ser receitados por um médico. Os idosos e as pessoas com o sistema imunológico fraco devem ter uma atenção especial, pois afinal de contas os olhos deste tipo de público é mais sensível e devem ser medicadas de uma maneira diferente devido as pálpebras que estão mais sensíveis, através da antibioticoterapia sistêmica.

Com todas estas informações, este tipo de doença deve ter um tratamento adequado e a boa notícia é que não é tão contagiosa quanto a conjuntivite, portanto com os cuidados descritos acima pode se cuidar desta doença de uma maneira correta e sob orientação médica.

Leia o post anterior:
ACESSORIO PARA TUNAR O CARRO
ACESSÓRIOS PARA TUNAR SEU CARRO

ACESSÓRIOS PARA TUNAR SEU CARRO - Quando se compra um carro, este sempre vem da mesma forma, com a altura...

Fechar